((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

terça-feira, 30 de abril de 2013

O DRAMA CÓSMICO DO CRIADOR

*** 
O DRAMA CÓSMICO DO CRIADOR

 

***

OS VIDEOS ANTERIORES A ESTES, ESTÃO NA SEÇÃO: "VÍDEOS".
  

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

sábado, 27 de abril de 2013

MENSAGEM MUITO IMPORTANTE O.M. AÏVANHOV, MARIA, SRI AUROBINDO e ANAEL

*** 
O.M. AÏVANHOV, MARIA, SRI AUROBINDO e ANAEL

***
26/04/2013
O.M. AÏVANHOV
OMRAAM (Aïvanhov) confirmou as Núpcias Terrestres, ele pede a máxima vigilância interior nos eventos ocorrendo em sua vida que, mais do que nunca, demonstram e mostram o que resta a liquidar (liquidação final, ele disse) a fim de aceder, lúcida e inteiramente, a este período resolutório e final.
MARIA
MARIA, quanto a ela, está pronta para exercer o seu poder de Amor na totalidade... não esperando mais senão o momento final, a fim de deixar a ação da Luz se colocar cada vez mais em evidência para cada ser na superfície deste planeta.
SRI AUROBINDO
O Melquizedeque do Ar, SRI AUROBINDO, confirma a fase final do Apocalipse de São João. Ele nos empenha a uma grande interioridade ativa no que propõe a vida para cada um, a não resistir à Inteligência da Luz, a ir ao sentido de uma maior Transparência, de uma maior Serenidade, seja o que for que lhes aconteça, individual e coletivamente. Assumir essas escolhas, assumir a Vida, tudo o que acontece aqui, sobre a Terra, durante as Núpcias Terrestres. 

Será exatamente feito, a cada um, segundo as suas crenças, as convicções, e o estado vibratório e de consciência. Cultivar a Paz, para com tudo e todos e apesar de tudo e de todos. Realizar os atos ditados pela Luz e executá-los sem falhar, enquanto permanecendo na Paz e na Tranquilidade. Ser-lhes-á dado muito se o abandono for evidente, se a ação for correta e apropriada. Tudo irá correr bem para cada um, conforme o seu posicionamento.
ANAEL
Quanto a ANAEL, ele pede, sobretudo, para observar os seus estados interiores e o que acontece precisamente na sua vida, a fim de fortalecer as suas certezas e o seu compromisso com a Liberdade. Ele pede para rever tudo o que envolve a Atenção, a Intenção, a Ética e a Integridade. Para viver o mais simples possível em todos os setores da vida de vocês. Para terminar o que a Luz pede para terminar.

http://lestransformations.wordpress.com/2013/04/26/message-de-haute-importance/
 
http://www.mestresascensos.com/

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS" ".
  

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

quinta-feira, 25 de abril de 2013

O.M. AÏVANHOV - 05-08-2007 - AUTRES DIMENSIONS

*** 
O.M. AÏVANHOV - PERGUNTAS & RESPOSTAS [05/08/2007]

***

Bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los.
Então, como de hábito, venho ver se vocês têm coisas a perguntar-me.

Primeiramente, eu lhes apresento meu boa noite, creio que, para vocês, é noite, não?

Questão: quais são os lugares privilegiados, vibratoriamente, na França?
Caro amigo, há muito numerosos lugares privilegiados, de maneira vibratória, devido à vibração que é emitida pelo lugar, naturalmente e, por vezes, por um aporte de energia exterior.

A palavra privilegiado é um pouco incômoda, porque quereria dizer que há seres que não vivem em um lugar privilegiado.

Efetivamente, se vocês habitam em Paris, sem leme [tradução livre de “mal barres”], como dizem, porque, com tudo o que há como poluição em todos os níveis, e espirituais, sobretudo, as vibrações de Paris são extremamente nefastas.

Não se pode dizer que Paris seja um lugar privilegiado.
Mas vocês podem ter um apartamento, uma casa, uma sala que seja um lugar privilegiado.

Isso é algo de perfeitamente possível.
Um lugar privilegiado, a partir do momento em que você põe, você mesmo, certo privilégio como humano, assim como nós colocamos a energia em alguns lugares e nós o privilegiamos em relação a um objetivo preciso, a algo de preciso.

Conforme os lugares, não é o mesmo privilégio.
Retenham, efetivamente, que vocês são livres para escolher em função de afinidades vibratórias dos lugares.

São vocês que decidem.
Agora, em relação a algumas transformações, onde vocês estiverem serão tomados, se devem ser tomados.

Não há inquietação nesse nível.
Agora, as circunstâncias podem ser difíceis, em função da subida vibratória da alma em encarnação em relação aos lugares nos quais vocês viveram, mesmo muito tempo.

Aí, vocês devem fazer o que lhes dita sua alma.

Questão: é a alma que procura o lugar ou o lugar que procura a alma?
Basicamente, há três casos a considerar.
Primeiramente, há, digamos, uma disfunção ao nível do que vocês chamaram o baço e o plexo solar, porque há um problema em relação à mamãe, que é, também, o problema em relação à casa (mamãe/casa é a mesma coisa).

Se vocês têm uma vibração perturbada nesse nível, vão, sistematicamente, ser chamados por lugares que estão em ressonância vibratória com isso, portanto, a casas perturbadas, onde quer que vocês estejam.

Esse é o primeiro caso.
Portanto, é o lugar que chama, porque ele está poluído e vocês têm a vibração que corresponde, ou você tem uma normalidade, eu diria, em relação à vibração do chacra do baço.

Nesse momento, apresentam-se dois casos: ou você está aberto à energia, à sensibilidade ambiental e prestará atenção aos lugares que escolherem, ou você não tem essa sensibilidade ambiental e irá para um lugar no qual se sente bem, independentemente da vibração do lugar, não porque esse lugar corresponda a uma vibração, mas a um ideal que você tem na cabeça, e sua vibração vai transformar o lugar.

São três hipóteses.
Então, em alguns casos, se é o lugar que chama a alma, é que você tem, provavelmente, patologia no baço.

Ou você está inspirado e não tem patologia no baço e tem a sensibilidade ambiental e será atraído por lugares que vibram como você sem, contudo, ser patológico.

Isso é uma sincronia de chamado entre você e o lugar.
Ou é você que chama o lugar em função do que você ama.

Questão: pareceria que lugares sagrados antigos haviam perdido as vibrações?
É lógico.
Vocês mudam de vibração, mudam de mundo, portanto, mudam de lugar vibratório.

O que existia há milhares de anos está sendo desativado.
Novos lugares aparecem, serão as novas catedrais do futuro sobre a nova Terra.

Questão: a prática de rituais em um lugar não o melhoraria? Não, se não há ancoragem através de um magnetismo, um telurismo ou uma forma específica. Se você ora em um lugar específico, qualquer que seja sua potência vibratória, vai gerar uma potência específica nesse lugar e a energia vai permanecer enquanto você ali está e mantém essa energia.

Se, por exemplo, um santo morre em um lugar no qual ele viveu e orou toda a vida, e enterra-se ele no mesmo lugar, ele dará a vibração ao lugar, independentemente da forma do lugar.

Mas se você deixa o lugar, e se o santo é enterrado em outro lugar, não haverá mais a vibração no lugar, é claro.

Questão: isso significa que vale mais a pena visitar as catedrais, por exemplo?
Salvo se se está apegado ao passado.
É melhor procurar os lugares do futuro.

Questão: como reconhecer os próximos «altos lugares»?
Vocês não têm meio algum de reconhecê-los.
Para alguns, eles estão totalmente escondidos, porque não se quer ver bandos de doidos desembarcarem nesses lugares.

Questão: nossas habitações vão mudar?
Mas tudo mudará, obviamente.
O que vocês chamam de habitação não terá mais sentido algum.

Será muito variável, conforme os lugares.
Isso dependerá do tipo de caminho que vocês tomarem.

Haverá múltiplos caminhos.
Os materiais serão, também, diferentes, conforme o tipo de ambiente e o tipo de caminho.

Questão: de que dependerá o tipo de caminho?
De sua purificação de alma.

Questão: por que alguns ascensionaão com o corpo e outros não?
Se o corpo não está, suficientemente, apto para subir à quinta dimensão e a alma está perfeitamente apta, o que acontece?

O corpo morre.

Questão: a humanidade poderia suportar a báscula dos polos, se isso devesse acontecer?
Absolutamente não.
Menos de 1% poderia sobreviver.

Questão: onde está esse processo?
Mas ele já está em curso.
Vocês imaginam uma banheira e viram a banheira.

A Terra estará imersa, completamente.
É por isso que os fenômenos ascensionais deverão ter ocorrido anteriormente, para aqueles que perdem o corpo, para aqueles que vão ao Intraterra, para aqueles que perdem o corpo na superfície, para aqueles que estarão em ilhas de preservação de vida e para aqueles que partirão, também, para outros lugares.

Eu falo de outros lugares, de outros mundos, de outros planetas, mas eu não tenho que me ocupar disso.

Os papéis, se querem, são perfeitamente atribuídos.
Há os Anjos do Senhor que são encarregados de vigiar, individualmente, sobre cada alma. Há as embarcações/mãe que vão repatriar as almas que vão partir para outros lugares. Há os Intraterrestres que preparam o acolhimento de alguns povos ascensionados na Terra.

Há outras entidades que devem acompanhar o trânsito que corresponde à morte física e não à transição à quinta. Etc ... etc ...

Questão: o dilúvio citado na bíblia faz referência a uma báscula dos polos?
Não, absolutamente.
A báscula dos polos é muito mais violenta.

O que vocês vivem nesse planeta corresponde ao dilúvio, mas não ao basculamento dos polos (há isso a cada cinquenta mil anos).

Questão: as ilhas de preservação de vida estarão no sudoeste ou no oeste da Europa?
Perfeitamente.
Eu não disse sudoeste, eu disse pés dos Pirineus.

Questão: haverá outros?
Muito poucos.
Mas, quando você tem vinte anos, sabe que vai morrer, mas não vai comprar seu caixão e seu lugar no cemitério.
Não é?

Então, por que preocupar-se?
Os eventos estão aí.

Vocês os vivem em seu corpo.
Não vale a pena que lhe digam que em tal lugar será bom e que é preciso ir para lá.

Pode ser que vocês não terão o direito de ir lá.
Vocês não terão liberdade alguma, porque a liberdade é a liberdade de escolha que quase todos vocês fizeram.

Agora, resta conformar-se a essa liberdade de escolha que vocês tomaram.
Mas, no momento em que vocês forem confrontados a alguns eventos, serão tomados onde deverão ir.

Vocês não terão a escolha de dizer «não, não, eu que quero ir lá».
Não são vocês que decidirão, são os Anjos do Senhor.

Do mesmo modo quando vocês morrem.
Quando lhe dizem que você tem uma doença e tem seis meses para viver, você diz «não, não, não é verdade, eu quero ser livre, eu não quero morrer».

Depois, você negocia: «bom, concordo, eu quero morrer, mas não quero morrer agora». E, depois, você se diz «não, não, é injusto, por que isso acontece para mim?».

Depois, você tem a raiva, o rancor.
E, depois, no final, você aceita.
É assim para todo ser humano.

Questão: como seremos informados?
Mas vocês não têm que se preocupar com isso.
É o que eu lhes digo.

Mas vocês veem isso todos os dias, ao seu redor.
Vocês jamais tiveram tantas informações à sua disposição nesse planeta como atualmente.

Olhem as questões que vocês se colocam, vários meses antes.
O importante não é preocupar-se com isso.
O importante é preocupar-se com seu coração e a Luz dele.

Se vocês se preocupam com outra coisa é que nada compreenderam da espiritualidade.

Questão: você fala da abertura do coração à Luz?
Eu falo apenas disso, da abertura de seu coração à Luz, de sua abertura total à Luz, ou seja, fazer a vontade do Pai. Já, se vocês colocam a questão de saber onde querem ir o que vai acontecer, é que não fazem a vontade do Pai.

Vocês devem ter uma confiança inabalável e uma fé total, o que quer que lhes aconteça e que aconteça a cem metros de vocês.

Sem isso, não poderão aceder a outra coisa.
Eu repito que o mínimo apego, o mínimo medo pode vir fazer muito mal em relação às escolhas que vocês fizeram.

É por isso que, mesmo se vocês estejam a par, se veem o que vocês veem, se lhes dizem algumas coisas, vocês não devem, absolutamente, preocupar-se com isso, simplesmente, a título informativo.

A transformação não está nesse nível.

Questão: como deixar abrir-se o coração sem estar no sofrimento?
Não consigo compreender.
Quando se abre o coração, isso põe mais na alegria, não no sofrimento.
Há alguns seres que aceitam sofrer muito porque, no sofrer muito, eles aceitam soltar.

Naquele momento, o coração pode abrir-se, mas é porque há sofrimento preliminar à abertura do coração.

Não se pode dizer que, quando o coração se abre, há sofrimento.
São as resistências preliminares à abertura do coração que fazem sofrer.

Questão: e o que é da sensibilidade ao sofrimento de outros?
A partir do momento em que você sente o sofrimento do outro, isso se chama a compaixão. A certo estágio, a compaixão não lhes é pedida, exceto alguns seres cujo caminho foi o de redimir, tomando o sofrimento de outros por eles, aliviar o carma da humanidade.

Mas isso, não há muitos seres que são capazes de fazer.
Então, quando vocês abrem seu coração, devem interessar-se apenas pela irradiação do amor.

Isso fará o maior bem porque, ao nível individual, não é porque vocês tomam o sofrimento do outro ao nível do coração que o outro vai abrir-se ao nível do coração dele.

Alguns seres conseguiram isso, mas eles eram muito pouco numerosos e era a missão deles. Se você abre seu coração, você deve abri-lo à humanidade, mas, também, à divindade, antes de tudo.

É aí que se encontra a solução, antes de tudo.
Abrir o coração é importante em um modo horizontal, isso vai permitir a você compreender o sofrimento do outro, viver, eventualmente, o sofrimento do outro, mas não é a finalidade.

Quando você está aberto ao nível do coração e irradia a vibração que há no coração, a vibração da divindade, nenhum sofrimento pode atingi-lo.

Apenas Cristo foi capaz de tomar o sofrimento da humanidade.
Alguns seres foram capazes de tomar o sofrimento de milhares de almas.
Foram grandes santos, mas vocês, é-lhes pedido irradiar essa Luz, é tudo.
A compaixão é, simplesmente, uma etapa na abertura do coração, mas não a finalidade, eu repito.

Bem, caros amigos, eu lhes aporto a minha bênção.
Ainda uma vez, eu terminarei dizendo-lhes para estarem centrados em seu coração, não se preocupar com o que acontece no exterior, mesmo se, a título informativo, vocês sejam obrigados a estarem despertos ao que acontece.

Não atribuam a isso mais importância do que isso, mesmo se vocês vejam discos voadores acima de suas cabeças.

O mais importante é o que acontece em seu interior e se, em seu interior, vocês não são capazes de pôr a ordem total, arriscam ter grandes problemas, quaisquer que sejam suas escolhas.

Então, não se esqueçam: amor e Luz, nada mais.

Nisso, eu lhes digo até muito em breve e eu lhes desejo uma boa noite.


Mensagem do O.M. AÏVANHOV no site francês Autres Dimensions:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=162
05 de agosto de 2007 (Publicado em 05 de agosto de 2007).
Tradução do francês para o português: Célia G.
via: http://leiturasdaluz.blogspot.com 

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS" ".
  
http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

sexta-feira, 19 de abril de 2013

SERES E DIMENSÕES

***

***

Por que você não vê os seres de outras dimensões?
Primeiramente, você não vê justamente porque tem necessidade de ver para crer. Alguém espera que um ser multidimensional precise ou faça questão de ser visto? Pra quê? Pra ser chamado de alma penada ou assombração pelos medrosos?

 
Na superfície da Terra a densidade é tanta que o humano é limitado somente a 5 sentidos. O satélite artificial chamado lua, eu repito: ARTIFICIAL, tem uma função estratégica e proposital relacionada diretamente com a grande densidade desta superfície e a limitação dos sentidos humanos. 


Mas os agentes de limitação não são só estes, há também a forma de ser e viver do limitado humano, através do que ele entende por civilidade e educação. A sua alimentação é outro grande fator limitante, quase tudo é sangrento e pesado. Abro aspas para dizer: "o humano adora churrasco". Tradução: "o selvagem adora carne de cadáver animal assada".
 
E quando eu falo dos alimentos sustentarem a densidade, não se trata somente das carnes, mas de 99% dos alimentos industrializados e seus venenos limitantes. Mas hoje eu não quero falar dos venenos que vocês gostam e absorvem, hoje o assunto é a densidade que o limita.

 
Por serem limitados por um cérebro que funciona linearmente, os humanos pensam que as bilhões de estrelas somente na Via Láctea, se, habitadas, que seus padrões de vida sejam similares aos da Terra. Que vergonha isso!


Recentemente a imprensa mundial voltou sua atenção à meia dúzia de ...  ah, eles se dizem cientistas, revelando que descobriram mais 4 planetas com possibilidades de vida. Por quê? Segundo eles, porque os planetas são fisicamente muito parecidos com a Terra. Tem exemplo de lineariadade melhor que esse? Tem alguma "inteligência" nisso?


A dimensão de um planeta tem sua composição sempre por um elemento base, e é este elemento que determina o volume dimensional e o grau de densidade. Por exemplo: aqui na superfície da Terra a dimensão é terceira, vulgarmente conhecida como 3D. Agora, devido ao modus operandi do humano desta dimensão da superfície da Terra, ela tem a sua realidade como 3DD (terceira dimensão dissociada). O elemento base que determina a dimensão da Terra em sua superfície, é o Carbono. 


Mas ainda lhe oferencendo um exemplo (você não consegue funcionar sem referências e comparações, seu cérebro precisa), o elemento base do planeta Vênus é o silício. E planetas que têm o silício como elemento base estão na 5D (quinta dimensão).
 
Então, se o humano se atrever a visitar fisicamente o planeta Vênus, ele nada verá. Mas será visto. Ele nada verá pelos seres ali viventes terem corpos silicados. E estes seres de Vênus, estão numa dimensão que os olhos humanos não alcançam, a 5D. Já, os humanos que lá chegam são vistos por quê? Porque seus corpos físicos são carbonados, portanto, densos. Agora, se dessem ao humano que visitou Vênus, uma ferramenta (não existe) que pudesse alcançar a visibilidade na 5D, ainda sim ele nada veria, pois, por ser limitadamente linear, ele iria procurar formas físicas similares a sua.


Agora vocês entendem porque essas tripas amontoadas na cabeça, que parecem seu intestino, fazem de você um ser extremamente limitado?

Mesmo que o humano da superfície da Terra chegue num planeta de 3D com o carbono como elemento base, ainda sim ele não alcançaria o que é daquele mundo e não do seu. Então, quando eu falo para "apreender", significa que você tem que permitir que o "novo" se apresente sem a interferência do seu modus limitadus operandi


 E "apreender" não significa que tem que ser aplicável somente ao novo.
Seja assim em seu cotidiano, viva isso, experimente apreender tudo. Aquele que apreende não julga, não reage, não supõe, não deduz, não especula, não fala asneiras, não tem medo de nada, não caminha como manada, não busca, não precisa raciocinar, não precisa pensar, não precisa meditar, ou seja, não depende deste limitante cérebro. Ele troca o cérebro pelo centro do seu centro. E isso te extrai da manada, da estupidez, da densidade.


Não adianta concordar, tem que experimentar. E depois, quem quiser, venha nesta área de comentários e divida com aqueles receosos.

 
Você percebeu que eu precisei falar de assuntos que lhe interessam para ganhar a sua atenção? Eu precisei te levar até Vênus para mostrar o seu funcionamento limitado e linear. Aquela dimensão e seus seres pouco importam enquanto você for denso e limitado ao sólido.


As dimensões, não importa o seu volume ou numeração, elas não têm distâncias físicas, as únicas distâncias são pela ignorância do que você É. Lembre-se, nessas trocas eu já disse que você É multidimensional. Agora, não basta você acreditar, você tem que ser. E para ser você tem que, sozinho, experimentar.


Não pense que as nossas trocas em formas de textos te levarão para viagens interestelares repletas de curiosidades sobre ETs e outros mundos. Pode cair fora da nave agora, aqui, se você quiser, sozinho, você poderá remover todas as cascas de cebola que estão ao seu redor. São as camadas colocadas nos humanos desde que eles começam a ser "educados". E quero ver quem vai contestar me trazendo algum exemplo de inteligência humana? Este mundo está assim por seus seres "inteligentes". Agora, sem as camadas, você não só verá, mas não irá viajar pelas dimensões. 


Todas elas se apresentam a você.
Ainda estamos "decolando".


Eu sou o Fodassildo de Sírius e quero que você se... bola (cebola) sem camadas, livre-se dessa densidade confinante.

 
Além!!!


http://sirianos.blogspot.com.br

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".  

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

segunda-feira, 15 de abril de 2013

SRI AUROBINDO - 02-08-2010 - REPOSTAGEM

*** 

Áudio da Mensagem em Português

Link para download: clique aqui

Eu sou Sri Aurobindo

Caras irmãs, caros irmãos neste espaço, sejam agradecidos de me acolherem esta noite.

Eu lhes transmito meu Amor.  
Foi-me solicitado, pelo venerável Omraam (Omraam Mikaël Aïvanhov) para vir exprimir-me, entre vocês, no que concerne ao fogo.

Como o sabem, eu sou um Melquisedeque do ar, em relação com a Constelação da Águia. Mas devido a meus escritos e a minhas experiências, em minha última vida, me é possível tentar fazê-los chegar a uma compreensão direta do que é chamado o fogo e, em particular, o fogo do Coração.

Vocês o sabem, talvez, na tradição de onde venho, o fogo não tem absolutamente a conotação negativa que existe no cristianismo, onde o fogo representa as chamas do inferno, as chamas destrutivas.

Em minha tradição, o fogo está ligado a Shiva.
É o fogo que purifica, é o fogo que regenera e ressuscita, está ligado a Fênix.
O fogo é um dos quatro elementos, em relação com um dos quatro Vivos, chamados, na tradição primordial, Véhuyia, o Gênio do fogo.

Quando tentei definir, em palavras, o que chamei de Supramental (que hoje chegou sobre a Terra, do qual vocês sentem as premissas em sua Coroa Radiante do Coração e da Cabeça), eu compreendi então certo número de características desse Supramental, que outros, antes de mim, chamaram de fogo do Éter.

Esse fogo do Éter, esse Supramental ou da Cità, corresponde a certo número de características precisas que nada têm a ver com a energia perceptível pelo magnetismo ou por diversas técnicas que visam fazer perceber a energia vital.

A energia Supramental tem características muito diferentes.
Poder-se-ia aliás chamá-la de fogo elétrico, não pela oposição ao magnetismo, mas sim como uma complementaridade.

As características de Vibrações do Supramental fazem com que esta energia tenha uma Vibração mais rápida que aquela que é comumente percebida por aqueles que percebem.

O Supramental se traduz também pelo fogo.
Compreendam bem que esse fogo não é um fogo que queima, como as chamas, mas, entretanto, é um fogo: um fogo que revela, um fogo que desvenda, um fogo que forja e que torna transparente.

É desse fogo que se trata.
Esse fogo que foi utilizado, mesmo em sua versão que queima, em alguns processos chamados iniciáticos, nas tradições primitivas.

O fogo do Coração é, obviamente, a instalação desta Vibração rápida, do Supramental, no chacra do Coração, transformando este, além do chacra, em uma Coroa Radiante, perceptível, efetivamente, como uma coroa se expandindo até englobar, bem além do chacra do Coração, o conjunto do peito.

O fogo é também Consciência.
O fogo de que falo não é a combustão do oxigênio, mas, bem mais, constituído de partículas. Essas partículas puderam ser chamadas de Adamantinas ou, em minha tradição, Agni Deva.

São essas partículas, qualificadas de exóticas em seu Mundo usual encarnado, que devem invadir seu Mundo, em quantidade cada vez mais importante, quando a Terra atravessar, inteiramente, a irradiação da Fonte, chamada, por alguns, de Onda Galáctica.

As propriedades dos Agni Deva são de revelar, purificar, elevar.
Poder-se-ia dizer que o fogo é o agente que coloca em movimento o veículo intermediário, chamado Merkabah, situado, como o sabem, acima de sua cabeça e que se desperta quando o conjunto de suas novas Lâmpadas é ativado.

Esses Agni Deva tomam então forma, dentro de sua forma, arranjando-se segundo o que eu chamaria de plano matricial fora da matriz, ao nível dos Mundos Unificados, em relação com o que chamamos o Corpo de Estado de Ser, ou corpo Divino, se preferem.

De fato, qualquer que seja sua Dimensão de origem, quaisquer que sejam suas Linhagens espirituais, seu corpo imortal é constituído, em grande parte, de uma montagem de diversas partículas. Essas partículas se arranjam segundo uma ordem também rigorosa como suas proteínas ou suas células.

Elas são portadoras de uma energia considerável, de uma energia bem além do fogo da matéria que vocês chamaram de fissão nuclear ou mesmo de fusão nuclear, cuja velocidade de propagação escapa a toda medida física, na Dimensão que vocês percorrem.

Escapa tanto que, até o presente, poucos de vocês perceberam e viram essas partículas Adamantinas. Alguns de vocês, em contrapartida, as perceberam em suas estruturas, quer seja ao nível da Coroa Radiante do Coração como na escala do corpo inteiro, como radiações formigantes e penetrando o conjunto de seu corpo.

A Luz Metatrônica é inteiramente composta dessas partículas Adamantinas, aquelas que lhes foram derramadas, pela primeira vez, sobre esta Terra, quando da revelação das primeiras Chaves Metatrônicas, durante seu Verão passado (inverno no hemisfério sul).

O fogo de que falo é esse fogo.
Esse fogo que constitui, obviamente, a Luz Vibral.
A Luz Vibral não é um fóton.

A Luz Vibral é uma disposição dos Agni Deva, sob forma hexagonal, explicando que o conjunto dos Mundos Unificados se estrutura por 6 e por 24.
Assim, portanto, nós somos 24 Anciões.

Assim, portanto, o que eu chamaria o fogo original primordial é constituído da Fonte, que se mira nela mesma em Metatron e enquadrado pelos 4 pilares da criação os 4 Hayot Ha Kodesh ou, se preferem, os Agni Deva ou, da agua, do fogo, da Terra e do Ar.

O fogo é o elemento constitutivo principal de toda Criação.
Esse fogo está presente sob forma de um espaço/tempo diferente daquele que os constitui, mas está presente em cada uma de suas células.

O próprio funcionamento de seus organismos de carbono está sujeito, de maneira não perceptível, por sua Consciência, a reações que vocês chamam de químicas, existentes graças à possibilidade para que os Agni Deva intervenham, ao nível celular, mas em uma escala não perceptível e muito limitada.

A passagem que vocês viverão em breve, desta forma de carbono para uma forma muito mais rápida e livre, traduzir-se-á, para sua Consciência, por modificações fortes, muito fortes, de suas percepções sensoriais como de suas percepções espirituais, traduzindo-se por um crescimento Vibratório sem medida comum com o que vocês conheceram nesse corpo de carbono, mesmo quando de seu Despertar, mesmo quando de algumas experiências místicas que alguns de vocês puderam viver.

A revelação do fogo se traduz por uma deslocação de tudo o que não é constituído de fogo autêntico, de tudo o que foi, literal e propriamente, asfixiado na expressão da liberdade, tanto ao nível da célula como das consciências presentes nesse Mundo.

Há, portanto, uma transmutação que acompanhará a translação dimensional, uma transmutação de natureza atômica, tocando o conjunto de constituintes de toda vida, desde o átomo até o planeta, na totalidade.

Para além da percepção Vibratória corporal, a visão será, para vocês, para seus olhos, o aparecimento de uma Luz branca que cega, extremamente quente e escaldante.

Esta Luz, extremamente quente e escaldante, representa o Coração da onda Galáctica.
Ela será precedida, de alguns minutos, pelo aparecimento de pontos de Luz extremamente brilhantes, presentes em toda atmosfera.

Vocês começarão, naquele momento, a sentir formigamentos no conjunto de sua pele.
Um calor os invadirá, um fogo, mesmo, que despertará, se vocês estiverem prontos, seu Kundalini, inteiramente, e fará fundir, de maneira quase instantânea, a Coroa Radiante da Cabeça e a Coroa Radiante do Coração.

Quanto mais vocês estiverem aptos, naquele momento, para penetrar em seu espaço Interior, na meditação, para fazer o silêncio no exterior, para se recolher, em todos os sentidos do termo, melhor vocês viverão sua transmutação.

Isso não se refere, obviamente, à totalidade da Humanidade, mas a alguns dos Seres despertos que permanecerão sobre a Terra, naquele momento. Assim que vocês perceberem esses formigamentos na escala de seu corpo e que seus olhos virem esta Luz branca aparecer e invadir o céu, vocês perceberão então que o momento chegou.

Bastar-lhes-á, então, simplesmente, se alinharem no Interior de vocês mesmos, deixarem as Vibrações de seu corpo se elevar e sua Consciência se elevará ao mesmo tempo. Vocês devem ser livres, naquele momento e naquele momento preciso, de todo apego, de todo condicionamento, com todo fenômeno exterior a vocês mesmos.

Vocês não poderão confundir isso com outra coisa.
A rapidez da Vibração e das partículas lhes penetrando será tal, que vocês não poderão ignorar o que acontece.

Nós começaremos, uns e outros, da Ordem dos Melquisedeques, a lhes desvendar, agora, a cada vez, um pouco mais do que é, em Verdade, esse processo de transmutação. Trata-se realmente de uma transubstanciação em que sua matéria vai mudar e onde se apresentará a vocês o plano matricial Unificado do que vocês são, em Verdade, no Estado de Ser.

Vocês deverão então transferir sua consciência nesse novo veículo.
Não haverá interrupção da consciência, naquele momento, haverá, ao contrário, uma expansão intensa de sua consciência.

O sentimento e a vivência da Unidade e da Alegria se farão cada vez mais extremo, progressivamente e à medida que a Luz da Fonte penetrar, inteiramente, esta Terra. O que vocês vivem é destinado a prepará-los para viver isso, para vivê-lo em todo conforto, em toda lucidez e sobretudo em plena consciência. Esse processo, que se desenrolará dentro de pouco tempo, é absolutamente único na história desta Humanidade Terrestre.

Ele corresponde, realmente, ao batismo pelo fogo.
Vocês não podem ser regenerados de outro modo, apenas pelo fogo.
Vocês não podem ser despertados de outro modo, apenas pelo fogo.

Como o sabem, a única porta de acesso a seu Corpo de Estado de Ser é o Coração.
É nesse sentido que, cada vez mais, uns e outros, nós intervimos para atrair sua consciência sobre a diferença essencial que existe entre a consciência da personalidade e a Consciência Ilimitada.

É nesse sentido também que, desde que o fogo do Céu tocou a Terra, tudo deve ser revelado. É o período que vocês vivem, aquele que chamei, quando era São João: Apocalipse. A revelação de todas as fraudes desse Mundo, de seus mecanismos, está em curso de desvendamento.

Mais nada do que estava oculto poderá ser escondido mais tempo.
Esse processo é indispensável, em vocês, como no exterior de vocês, na sociedade, como em todas as suas relações, mesmo se isso é por vezes difícil, mas esta etapa é indispensável para lhes permitir adquirir a lucidez.

Dentro de muito poucos dias agora, o Arcanjo Metatron revelar-lhes-á as últimas Chaves Metatrônicas, ao mesmo tempo em que se acenderão, na Coroa Radiante da Cabeça, as doze Estrelas, ao mesmo tempo em que o Arcanjo Uriel prepara, em vocês, essa reversão e esta transubstanciação.

A época na qual vocês inscrevem seu caminho, agora, é a época do tempo descontado, descontado até seu termo, o qual a cada dia e a cada sopro, se aproxima. É durante este período que vocês devem se tornar claros, transparentes, lúcidos.

Claros e precisos, centrados no aqui e no agora.
O conjunto de funções ligadas às doze estrelas de Maria lhes permitirá compreender, no Coração, certo número de mecanismos existentes.

Vocês preparam, assim, pela construção do Antakarana, o caminho para retorno à sua Unidade. Lembrem-se o que lhes disse Um Amigo: A Consciência é Vibração, a Supraconsciência (ou Consciência Ilimitada) é Vibração de fogo.

O amor é o fogo do Coração.
O Amor (chamado assim), sem fogo do Coração, não é o Amor.
O Amor libera, a Luz Vibral, em sua tripla composição, preparou o caminho, em vocês, como na Terra, para viver esta etapa final. A preparação que vocês vivem deve permitir-lhes se tornarem cada vez mais lúcidos e conscientes desta Dimensão Unificada.

Isso pode, certamente, se traduzir por dificuldades, em suas vidas, em suas relações, em suas ocupações, na sociedade, de uma maneira geral, mas vocês são encorajados a irem para sua Essência, pelas Vibrações que percebem.

O trabalho de reversão do Arcanjo Uriel não está terminado, mas quase.
A ativação da Coroa Radiante do Coração, mesmo na Coroa Radiante da Cabeça, é feita também para facilitar sua elevação à Merkabah. Seguramente, várias revelações e vários acontecimentos devem se produzir ainda; não se deixem jamais engolir ou fechar por esses acontecimentos, quaisquer que sejam.

Esforcem-se para permanecerem lúcidos, serenos.
Cultivem, em vocês, esse fogo do Coração, esta Coroa Radiante da Cabeça, como do Coração, porque nessas Vibrações, se encontra sua paz, sua serenidade e sua tranquilidade. Continuem a viver, certamente, sua vida comum, mas tentem se aliviar e se retirar do que os torna pesados e lhes pesa.

Tornar-se-lhes-á cada vez mais fácil perceber e sentir algumas circunstâncias que, literalmente, asfixiarão seu Coração e sua Cabeça, ao nível das Coroas, enquanto que, ao contrário, algumas situações, alguns lugares, reavivarão sua Alegria e sua paz.

Assim, portanto, cultivem a Alegria, cultivem a paz, cultivem a meditação que eu qualificaria de ativa. Não é questão de se retirarem, permanentemente, do Mundo, mas sim de ali estarem presentes e Conscientes.

Vocês têm à sua disposição vários meios de levar sua consciência na Vibração do Coração e da Cabeça, e de manter esta Vibração e esta consciência nas circunstâncias as mais usuais de suas vidas.

As escolhas foram realizadas, os futuros individuais estão quase todos traçados.
Resta, simplesmente, esperar e viver o que deve ser vivido, sobretudo para aqueles que não estão ainda lúcidos, aqueles que estão ainda adormecidos em sua personalidade, em seus hábitos, em suas ilusões. Retenham também que o fogo é o agente que permite esse despertar.

O fogo do Céu tocou o fogo da Terra.
O fogo do Éter se desperta.

Os elementos da Terra estão prontos para assumir seus papéis e suas funções.
Como o sabem, nós permitimos (o conjunto de Forças da Luz Vibral) que a Luz se derramasse de maneira permanente sobre esta Terra, desde 17 de julho.

Somente a Terra, agora, detém a chave do instante final e também, certamente, o Céu.
Entendo por Céu, a Luz que vem de muito longe até vocês.
Tudo está sobre os trilhos, tudo está inscrito e tudo está pronto.

Vocês devem se ocupar, cada vez mais, para encontrar sua Unidade, ou seja, sua Vibração. Assim, lhes será possível viver esse fogo do Céu e da Terra e de seu corpo, em total lucidez e em total quietude.

A partir da entrega das últimas Chaves Metatrônicas, tudo se tornará possível.
O fogo é criação, o fogo é transformação, o fogo é Amor, contrariamente à imagem que quiseram dar aqueles que falsificaram as religiões até falar de um fogo do inferno que destrói tudo.

O fogo não destrói nada, ele revela, ele transforma e ele eleva.
Mas o condicionamento é tal que muitos seres humanos acreditarão que esse fogo é, efetivamente, o fogo do inferno e eles viverão o que eles crêem.

Nós retornaremos, uns e outros, progressivamente e à medida do passar das semanas, sobre o que eu chamaria de técnicas espirituais.

Mas retenham que, qualquer que seja a técnica espiritual levada a efeito, a única chave não é o conhecimento desta técnica, a única Chave é, e continuará a ser, seu Coração, sua humildade, sua simplicidade e sua capacidade para permanecer nesse coração.

Aí está, caras irmãs e irmãos, o que me foi solicitado a lhes dizer, para que aqueles que seguem o que conduzimos e trazemos, possam começar a se colocar as boas reflexões, não para fazer trabalhar o mental, mas para integrar mais rapidamente o que é vivido e o que será vivido proximamente, sem se colocar questões.

Lembrem-se também que o som é um bom marcador do fogo (o som da alma), sua capacidade, também, para experimentar a Alegria.

Caras irmãs, caros irmãos, se há em vocês questões concernentes a esses processos às quais eu possa responder, eu os escuto.

Questão: poderia aprofundar sobre o fogo do Éter?
O fogo do Éter é um fogo que queima, no ar, com unicamente o combustível do ar, mas sem apoio, no sentido material.

É um abrasamento existente nas estruturas intermediárias chamadas de 2ª e 4ª Dimensões; Não se trata, portanto, de um fogo da matéria, mas de um fogo do plano matricial dissociado, situado na 2ª Dimensão e na 4ª Dimensão.

O fogo do Éter traduz, efetivamente, o fogo, no sentido que vocês chamam o corpo etéreo ou o corpo energético. O fogo do Éter se manifesta já sobre a Terra. Alguns de vocês o percebem em suas estruturas, é o que lhes dá esta sensação de calor.

Também, o fogo que sobe sem, pelo momento, ser percorrido pelas Vibrações extremamente rápidas, as partículas Adamantinas.

O fogo do Éter é o que permite iluminar, como disse Mestre Omraam, a poeira.
É o fogo do Éter que fez desaparecer o tapete sob o qual vocês escondiam esta poeira.
É nesse fogo do Éter que vocês são colocados a nu e que vocês devem aceitar se olhar tal como são. O fogo do Éter é uma prévia do fogo cósmico ou galáctico.

Questão: é possível conhecer o nome de seu Estado de Ser? Isso pode ajudar Vibratoriamente?
Na condição de que esta revelação ocorra em Si.
Toda revelação exterior seria, de todo modo, assim como foi dito no ano passado por outros intervenientes, falsificada.

Do mesmo modo que, para suas Linhagens, seu nome no Estado de Ser não pode ser conhecido senão por você mesmo.

Questão: como estar sobre o que tem a fazer com uma Embarcação de Luz ou de sombra?
Pela Vibração, a Vibração que está em acordo com você.
Se você é da Sombra, você irá numa Embarcação da Sombra e tudo estará bem.

As Embarcações de Sombra são, essencialmente, eu diria, mesmo quase exclusivamente, Embarcações pertencentes a estruturas metálicas conhecidas em seu Mundo.

Existe apenas uma única forma de Embarcação de Luz pertencente à Luz Vibral, trata-se dos Seres chamados Anjos do Senhor ou Vegalianos de 3ª Dimensão Unificada. A forma das Embarcações, também, poderia ser útil, mas, em definitivo, é a Vibração que decidirá.

Não pode haver erro, é impossível.
Um Ser de Sombra não pode subir numa Embarcação de Luz e um Ser de Luz, destinado a juntar-se ao seu Estado de Ser, não pode subir numa Embarcação da Sombra.

Questão: é a diferença de «ignição» das 3 Lareiras que fará a diferença Vibratória?
Perfeitamente.
Do mesmo modo, no que concerne a esta franja limitada de indivíduos, do mesmo modo, uma 

Embarcação de Luz pode apenas localizar Seres de Luz.
Uma Embarcação da Sombra pode localizar apenas Seres da Sombra.

Questão: qual seria então a utilidade da Saudação de Orion, se não há confusão possível?
É uma proteção (guard-rail).
Lembrem-se que certo número de choques, ligados às revelações que vocês vivem, pode alterar, temporariamente, as capacidades Vibratórias.

Questão: as nuvens lenticulares representariam as Embarcações da Sombra?
Existem muitas tecnologias que vocês chamam de extraterrestres capazes de se esconder de sua visão dentro dessas nuvens, da Sombra como da Luz. Mas lembrem-se de um fato essencial: as Embarcações, em especial as da Frota Mariana, não são absolutamente desta Dimensão e não podem de modo algum aparecer a seus olhos de carne.

Elas são de outras Dimensões, constituídas essencialmente de partículas Adamantinas e de constituintes que não existem nesta matriz.

Elas não podem, portanto, lhes aparecer nesse corpo de carne.
As únicas que podem aparecer nesta matriz são as Embarcações dos Anjos do Senhor, Embarcações individuais ou Embarcação-Mãe.

Mas, ainda uma vez, retenham que de nada serve se colocarem essas questões exteriores, absolutamente nada, porque não é sua cabeça que decidirá, nem seus sentidos, mas unicamente a Vibração que vocês terão naquele momento.

Vocês não poderão ir a nenhum outro lugar a não ser para onde os leva sua Vibração.
As leis lineares, tais como as conhecem na matriz não podem estritamente se aplicar nas condições particulares deste advento do fogo.

Questão: sentir formigamentos, tais como você descreveu, corresponde à existência de “ondas” que já chegariam sobre a Terra?
Esse é o caso para algumas almas em relação direta com as Chaves Metatrônicas.
Algumas almas estão sob a influência (um mau termo), sob o impacto direto, do fogo Metatrônico.

Essas almas perceberam e sentiram e viveram, durante um período que se estende por um ano, em diferentes momentos ou em um único momento, esse fogo e esta Vibração.

Questão: a ignição do fogo da cabeça passa obrigatoriamente por sangramento nasal?
Antes de falar, cara irmã, da ignição do fogo da cabeça, há primeiro a ativação do 6º e do 7º chacra, pela recepção da Shakti ou do Espírito Santo.

É isso que desencadeia os filetes de sangue na narina esquerda, depois direita, e é isso que desencadeia o som da alma. O fogo do Éter ou o fogo da Coroa Radiante da cabeça não ocorre senão num tempo posterior. Certamente, o espaço de tempo entre os dois eventos tornou-se cada vez mais curto, em termos Terrestres.

Os filetes de sangue correspondem à perfuração do pavimento das fossas nasais, correspondendo à ativação do 6º e do 7º chacras. Alguns Seres podem perceber Vibrações na cabeça, sem, no entanto, viver a constituição do corpo de Luz.

Isso resulta, numa certa medida, da intensidade das energias do Espírito Santo, acoplada à energia do Ultravioleta, que se derrama sobre a Terra desde mais de um ano.

Recordem-se também da frase que escrevi, sob ditado de Cristo: “haverá muitos chamados e poucos escolhidos, eles serão marcados na testa”.

A passagem do chamado ao escolhido se faz pelo Abandono à Luz e pela morte do ego.
Esta morte podendo se realizar até o extremo limite do tempo que é descontado.
Mas será mais provável, muito mais confortável, realizar isso antes do final.

Questão: como estar certo de ter podido ativar a Coroa Radiante da Cabeça?
A certeza é Vibratória.
O que coloca a questão é o mental.
A Vibração é, ou não é.

Questão: a Vibração pode se manifestar sob forma de pressão?
A pressão é um elemento da Vibração, mas ela não é a Vibração.
Eu qualificaria esta Vibração, de fogo ou de calor.

Não temos mais questões, agradecemos.
Caras irmãs e caros irmãos, eu os agradeço por terem prestado atenção ao que tinha a emitir.

Eu lhes transmito minha Luz azul.  
É com prazer que lhes digo até uma próxima vez.

______________________________
Mensagem do Bem Amado SRI AUROBINDO no site francês:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=688
2 de Agosto de 2010 (Publicado em 7 de Agosto de 2010)
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com
Transcrição e edição: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com


AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS" ".
 
http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

sábado, 13 de abril de 2013

O.M. AÏVANHOV – 07-08-2011 - REPOSTAGEM ESPECIAL

***
O.M Aivanhov - 07-08-2011


Mensagem publicada em 9 de agosto, pelo site AUTRES DIMENSIONS.

E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los.
Eu lhes transmito todas as minhas bênçãos, todo o meu Amor e estou pronto para responder a vocês.

Questão: quantos seres humanos vão aceder à Unidade?
Então, o que é que você chama aceder à Unidade?
Nós sempre dissemos que a Terra seria Liberada, inteiramente.
Mas não se pode forçar uma consciência a ir para a Unidade, se ela não quer ir para a Unidade, não é? 
 
Mas ela será, de qualquer modo, Liberada.

Isso quer dizer o quê? Isso quer dizer que, em definitivo, vocês são todos Liberados.
Mas vocês não vão, todos, ao mesmo lugar.

Existem diferentes formas de Liberação.
A Liberação que quer manter a alma: naquele momento, isso quer dizer direção da 3ª Dimensão Unificada, na qual não há mais qualquer ruptura. 
 
A Verdadeira Unidade corresponde, para vocês, o acesso à Multidimensionalidade, ou seja, não mais estar fixo pela alma, mesmo religada ao Espírito, num corpo carbonado. Mas a totalidade de humanidade é Liberada, na medida em que a 3ª Dimensão Dissociada não existirá mais.

Era necessário um limiar, isso eu já disse desde muito tempo, não é? (desde cinco ou seis anos), que era preciso chegar a um limiar de seres que, como dizer..., seriam abertos ao nível das Coroas Radiantes, ou seja, os Chamados. 
 
Esse limiar foi atingido, vocês sabem, desde o ano passado, desde o mês de setembro. E, assim, tudo deve desenrolar-se com mais facilidade do que teria sido de outro modo. 

Questão: há uma relação entre os Atalhos e a árvore Sefirótica?
Há uma ressonância, digamos.
Falou-se, aliás, de um dos Triângulos, o primeiro Triângulo do peito, que é constituído entre Tipheret, o patamar do Ardor e da Justiça, não é? 
 
Do mesmo modo que vocês têm um Triângulo inscrito entre os Pontos, que nós nomeamos ATRAÇÃO, VISÃO e o períneo. 
 
Mas, bom, é uma analogia, é uma sobreposição.
Nós também falamos do triângulo Luciferiano e sua Reversão, que faz com que Kether venha colocar-se no lugar que ele jamais deveria ter deixado.

Vocês sabem que a garganta, na Cabala, isso se chama Dahat, ou seja, a Sephira invisível. Mas é uma Sephira invisível, fantasma, simplesmente porque Yaldebaoth inverteu a Sephirot, e ela estava colocada ao alto. 
 
Mas é uma analogia. Não se pode dizer, por exemplo, que Hod e Netzach são tipicamente o que se chama ATRAÇÃO e REPULSÃO, é outra coisa também. 
 
Uma Sephira é uma emanação que está presente nos diferentes mundos que há na Cabala, ou seja, os mundos de emanação, ou seja, os mundos Briáticos, os palácios de Assiah, as moradas de Atziluth etc.
 
Mas isso não tem relação.
As portas de que falamos são Portais de ancoragem da Consciência Unificada, que constituem a reconstituição, de algum modo, do Corpo de Ressurreição e do Corpo de Existência. Não é, verdadeiramente, a mesma coisa. 
 
Mesmo se existam, efetivamente, ressonâncias de projeção, localmente.
Pode-se, por exemplo, ver que há uma analogia entre os Pontos OD, o Arcanjo MIGUEL e Tipheret, mas isso para aí.

Questão: as doze Portas podem representar, Vibratoriamente, os pontos de acesso às nossas Linhagens?

Não.
Vocês têm quatro Portas que correspondem às Linhagens, e unicamente quatro.
Que são quais? 
 
O Ponto AL, o Ponto OD, o Ponto IM e o Ponto IS.
É HIC e NUNC, se preferem, é tudo.

Questão: há uma relação com as doze Portas de Yerushalaïm?
Mas são as doze Portas de Yerushalaïm.
Poder-se-ia, efetivamente, ir muito mais longe.
Mas a descrição, estritamente, nada avançaria.
O que é importante é a Vibração e viver a Vibração.
As explicações o afastariam da Vibração.

Além disso, não são as mesmas Vibrações cristalinas que foram dadas.
Nos textos de São João (ou em outras referências da Bíblia) há uma descrição da Jerusalém Celeste e das Portas. A cada vez, ali são atribuídos cores e cristais que foram vistos, entre aspas. Mas atenção! 
 
A Vibração que foi vivida era numa língua que nada tem a ver com a língua de hoje. Portanto, as traduções interpretaram diferentemente as Vibrações dos cristais.

Mas para que serve conhecer tudo isso intelectualmente?
O Conhecimento Vibratório determina-se e revela-se por si, pela Vibração, não pela explicação. A denominação é importante. 
 
Passamos das Estrelas, ao nível da cabeça, para uma Porta.
Uma Porta, o que ela faz? Ela está entre dois espaços, não é?
Ela abre e ela fecha, mas ela permite cruzar algo.
É nesse sentido que é importante.

Assim como os Atalhos podem, efetivamente, ter uma analogia como se disse, por exemplo, com a árvore da Cabala, ou seja, os Sineroth.
Mas isso para aí.

Há vinte e dois Sineroth, que correspondem aos arcanos do tarô, às letras hebraicas e às Vibrações das letras hebraicas.  Em contrapartida, ao nível dos Atalhos, há menos.
Eles correspondem às arestas do Cubo Metatrônico.
Mas poder-se-ia discorrer durante horas.

Então, é muito interessante para o mental, mas isso não dá a Vibração.
Nós tentamos ser o mais claro possível, no que lhes deram UM AMIGO, SRI AUROBINDO e outros, e IRMÃO K, sobretudo porque é importante compreender algumas engrenagens que existem no corpo. Mas isso não substitui a Vibração.

Simplesmente, nós estimamos que, dando-lhes elementos e nomeando a Porta do fígado (Lúcifer) e a Porta do baço (Ahriman), nós tínhamos elementos para permitir-lhes, em toda Consciência, superar algumas coisas. 

Mas era bem além da simples compreensão intelectual porque, se vocês permanecem, simplesmente, a dizer: o fígado é Lúcifer, é Prometeu, é a Visão etc., para que isso serve? Mas era para ilustrar a Reversão que se produz, uma vez que a alma não nutre mais a personalidade, mas vai nutrir o Espírito. Não se esqueçam, e isso foi dito, que o mental é o que mente para AL, ou seja, o que mente para a alma.

Em resumo, e dito ao meu modo, vocês estão numa projeção, ou seja, em algo que não existe. Vocês estão se olhando a si mesmos, nesse corpo, nessa personalidade. 
 
Mas, quando você penetram a Consciência da Unidade, vocês são infinitos, e, portanto, vocês saem da Ilusão. Mas, enquanto vocês não têm a Consciência de que é uma Ilusão, se é, simplesmente, uma concepção mental, isso não basta para dali sair.  

É a Vibração da própria Consciência, é a experiência da Consciência que passa de um estado ao outro, que realiza o processo.
Não é o conhecimento exterior.
Jamais.

Questão: dores que perduram podem ser um freio para o acesso à Existência?

Não, nada pode representar um freio.
Eu diria mesmo, sem fazer dolorismo que, em alguns casos, a dor pode ser, justamente, o que vai frear as pequenas bicicletas (ndr: as pequenas bicicletas evocam o mental) porque, quando o mental está ocupado a tratar da dor, porque tem dodói, ele não pode mais intervir em outros lugares e a Luz aproveita-se disso para passar na suavidade.

Questão: METATRON utilizou o termo Elohim, como Chave Vibratória. Por quê?
Elohim, se querem, é a Vibração dos Elohim que chegaram Livres, no sacrifício de sua entidade e, portanto, para permitir que o Cristal Azul da individualidade do Espírito não fosse perdido.

Elohim, pronunciado por METATRON, corresponde, agora, dois anos após a revelação das cinco Chaves Metatrônicas (OD-ER-IM-IS-AL), à Porta KI-RIS-TI, que está nas costas, que permite, se querem, efetuar a última Passagem, ou seja, o retorno a Elohim. 
 
O que quer dizer, também, ao que é ligado ao Espírito de Fogo.

Do mesmo modo como ele pronuncia, quando chega, o apelo ao Espírito do Fogo (Vehuiah), que é um dos Hayoth Ha Kodesh. 

E, hoje, pela primeira vez, ele pronunciou Elohim, com a Vibração correspondente a essa Liberação (ndr: intervenção de METATRON de 7 de agosto de 2011, transcrita na rubrica «mensagens a ler») que é, de fato, vocês compreenderam, a Libertação.

A Terra é Liberada, nós sabemos que vocês são Liberados, mas a Libertação não havia ainda começado. A Terra já havia dado à luz, isso lhes foi dito, mas, após o parto, o que acontece? Vem a Libertação, o que quer dizer que se expulsa a placenta. O que é que é a placenta? 
 
São todas as Linhagens, todos os princípios do sangue, ou seja, tudo o que lhes permite passar das leis do sangue para a Lei do Espírito; leis da carne para a lei do Espírito; da lei de ação/reação (e, além disso, falsificada) para a Liberdade em relação à carne. 
 
É o chamado de Elohim.
E são os Elohim que trouxeram, no Plano Vibratório, o Cristal Azul que estava ao centro de Yerushalaïm.

Questão: pode ser interessante, Vibratoriamente, pronunciar essa Chave, Elohim, para si?
Sim, isso abre a Porta Ki-Ris-Ti.
Ao nível Vibratório, a palavra Elohim e a estrutura Vibratória de Elohim são constituídas, vocês compreenderam, de AL e de IM
 
É diretamente religada a Ki-Ris-Ti, que está atrás, entre as omoplatas e essa vértebra específica, que é a quinta vértebra dorsal. 

Portanto, Vibrando Elohim, vocês põem em Vibração não mais unicamente a cabeça, como quando METATRON pronunciava o Ehieh Asher Ehieh, e o Vehuiah.
Pelo Elohim vocês não destrancam unicamente a cabeça, mas destrancam a Última Porta.

Questão: qual é a diferença entre um Elohim e uma Estrela de MARIA?
Alguns Elohim podem ser Estrelas de MARIA, mas não é obrigatório.
O Elohim significa, simplesmente, aquele que vem da Dimensão do Cristal, ou seja, da 11ª Dimensão.
 

As Estrelas de Maria estão na 18ª Dimensão.
Mas algumas das Estrelas puderam ser Elohim.
Mas não é porque há doze Estrelas, que havia doze Elohim, que sejam os mesmos.

Questão: por que tantas mulheres, desde algum tempo, dizem ser Estrela, ou mesmo a Mãe Divina, encarnadas?
É, simplesmente, uma identificação abusiva.
Como disseram os Arcanjos, vocês são portadores, todos, da Vibração do Arcanjo.
Não é por acaso se, em minha vida, eu tomei o nome MIGUEL.
Isso quer dizer que eu era um Arcanjo? 

Não. Isso quer dizer, simplesmente, que a Vibração do Arcanjo MIGUEL foi preponderante e determinante no que eu era. Para uma mulher é muito mais fácil pensar-se ou identificar-se, Vibratoriamente, numa Estrela e portar uma qualidade Vibratória de uma Estrela, completamente.

Agora, eu repito: qual importância isso pode ter, uma vez que vocês penetram as esferas da Unidade? Encarnados na carne, vocês retornam à entidade primordial que vocês São, para além de todas as estruturações de personalidade que vocês tomaram. Portanto, vocês podem, perfeitamente, sobretudo para as senhoras, portar a Vibração, por exemplo, de MA ANANDA MOYI, sem qualquer escrúpulo. 
 
Assim como MA ANANDA MOYI portou a Vibração de MARIA, é uma evidência.
Será, contudo, que ela era MARIA?
Ela era uma Maria, na Vibração da Essência.
E é perfeitamente lógico.

Vocês não têm necessidade, na Consciência que começam a viver, de estarem identificados a esse corpo, isso foi dito. Mas vocês são portadores de muitas identidades Vibratórias, além mesmo de suas encarnações passadas. 
 
Essas encarnações Vibratórias que vocês portam concorrem, de alguma forma, a fazê-los reencontrar a Unidade. Mas é preciso prestar atenção para não identificarem-se, na totalidade, porque, naquele momento, a identificação, mesmo correta, priva-os da Unidade.

Mas vocês podem ser portadores da Vibração de um Arcanjo, de maneira preponderante. O perigo seria tomarem-se por um Arcanjo. 
 
E, do mesmo modo, quando vocês realizam o Si: hoje, vocês são muitos a realizar esse estado Vibratório de Consciência, mas, na época em que não havia muitos, era perfeitamente possível que seres exteriores, que viam esses seres viverem a Luz do Si, marcados por sua educação e sua própria percepção mediúnica, pudessem perceber, em tal ou tal Consciência, o CRISTO, e dizer: é o CRISTO. 
 
E não, não é o CRISTO. Mesmo se há identificação e não mais imitação, mas Fusão com o CRISTO. Por exemplo, algumas Estrelas de MARIA, no Ocidente, viveram as Núpcias místicas com o CRISTO. Elas tornaram-se o CRISTO. 
 
Mas é outra coisa manifestar o CRISTO, espiritualmente, do que dizer-se o CRISTO na carne. Não é similar. A Vibração nada tem a ver.

Questão: poderia desenvolver sobre a diferença entre ISIS e MARIA?

A entidade MARIA nada tem a ver com a entidade ISIS.
É um apoio Vibratório.
MARIA porta ISIS. 
 
Mas ISIS está bem além dos mundos da encarnação.
IS-IS é como quando nós dizemos KI-RIS-TI.
É uma palavra cuja Essência é Suméria.
KI-RIS-TI ou KIR-IS-TI é, simplesmente, o Filho Ardente do Sol.
ISIS é a Filha da Água. 
 
Ela é a matriz primordial.
Ela é Gaia, se querem.
Ela é a virgem negra.
Ela é tudo o que se pode imaginar.
Ela é, também, a Shakti.  

Então, é claro, ISIS é a Vibração que vem de Sírius A.
MARIA vem, também, de Sírius A,.
Será que Jesus e Jesus Cristo era o CRISTO? 
 
Jesus reencarnou-se numerosas vezes sobre a Terra, e também não há muito tempo.
CRISTO é um princípio de realização do Si.

Questão: ISIS seria, portanto, um princípio Vibratório e MARIA seria a contrapartida encarnada que portava essa ressonância?

Perfeitamente.
Assim como MA ANANDA MOYI portava MARIA. 

Questão: e do mesmo modo como Jesus portava CRISTO?
Exato.

Questão: você escolheu apresentar-se sob o nome de OMRAAM MIKAËL AÏVANHOV...
Era o nome de minha última encarnação.
Mas eu teria podido chamar-me Merlin, por exemplo, uma vez que eu fui Merlin.
Mas qual importância, uma vez que somos Unificados? 
 
Simplesmente, sobre esta Terra, em especial para os Anciões (que, como eu lhes disse, estavam quase todos presentes antes de 1984 sobre a Terra, nós partimos, os últimos, exatamente naquela época), nós ancoramos o Retorno da Luz.

Portanto, é claro, nós somos portadores de uma Vibração.
Essa Vibração é oriunda, ao mesmo tempo, do elemento dominante, de nossa origem estelar. Talvez vocês saibam, eu venho de Vega da Lyra. Porque, aí embaixo, há uma enormidade do que vocês chamam, sobre a Terra, pedagogos, professores, não é?

SRI AUROBINDO vem de Altair.
É uma Águia, ou seja, é um ser que tem a visão panorâmica, que é capaz de extrair-se de algo para ver uma situação em sua globalidade. É um Melquisedeque do Ar, que não é a mesma coisa que um Melquisedeque de Fogo.

Tudo isso são estados Vibratórios que permitem, através da identidade que nós portamos, manifestar, hoje, certa característica.
Isso pode ir muito longe. 
 
O Fogo, todos sabem que é vermelho.
O Ar é azul. O azul do céu que vocês veem, mas também o azul do Éter, da Fusão dos Éteres etc.etc.

Questão: se Altair pode representar-se sob forma de Águias, sob qual forma podem representar-se os seres de Vega da Lyra?
Isso depende em qual Dimensão.
Há Vegalianos (que são os Anjos do Senhor) que estão na 3D Unificada.
Há seres que estão em todas as Dimensões.
A forma é diferente conforme a Dimensão.

Um Arcanjo é diferente, conforme a Vibração e a Dimensão que ele percorre.
Como nós dissemos, nos estados Multidimensionais, vocês não estão localizados numa forma e numa Dimensão. Seu cérebro raciocina sempre na noção de identidade porque, sem identidade, não há cérebro, não é? 
 
Portanto, vocês têm, sempre, o hábito de reconduzir à sua experiência e à vivência dessa consciência, querendo, a todo custo, atribuir uma forma precisa e um estado preciso.

É impossível.
Lá em cima nada é fixo.
Vocês não estão localizados.
Nós nos localizamos, como Melquisedeques, para permitir algum trabalho.
Mas nada é fixo, no infinito. E, sobretudo não a Consciência; sobretudo não o Espírito.

Vocês tomam um corpo, chamado Corpo de Existência.
Mas esse Corpo de Existência (que se chama um Corpo de Diamante, um Corpo de Cristal, um Corpo da Civilização dos Triângulos) é um nível estabilizado. 
 
Mas vocês não estão nesse estado, vocês estão em todos os estados ao mesmo tempo. Vocês não podem compreender isso com o cérebro humano; vocês podem apenas vivê-lo.

O problema é que a consciência da personalidade é tão habituada a raciocinar em termos de identidade, por: meu corpo, meu pensamento, minha vida. Isso nada quer dizer lá em cima. Vocês compreendem porque é necessário ter certo número de ensinamentos Vibratórios, digamos.

Questão: dizer que CRISTO viria como um ladrão na noite faz referência à qualidade de nossa consciência que está, simbolicamente, na obscuridade?
É, ao mesmo tempo, uma referência simbólica, efetivamente, como isso acaba de ser exprimido. Mas isso quer dizer, também, que Ele virá na noite escura da alma, ou seja, no processo chamado a estase, mesmo se muitos de vocês a vivam já, em parte ou na totalidade. 

Eu os Engajo, para isso, a reler, como lhes disse SRI AUROBINDO, o Apocalipse de São João , porque ele lhes diz que a estrutura Vibratória do Apocalipse é completamente real, qualquer que seja a língua. 

Mas, agora, como os eventos desenrolam-se sob seus olhos, se vocês leem o Apocalipse com a Consciência do que vivem, tanto em vocês como no exterior de vocês, isso vai aparecer-lhes com uma limpidez a mais Transparente possível. 
 
E, aliás, São João descreveu, de maneira exata e perfeita, o Retorno do CRISTO.

Questão: houve, em várias reprises, períodos de falsificação e de Liberações?
De maneira parcial, para alguns povos, sim.
Há um exemplo flagrante, que são os Mayas.
Mas isso não corresponde ao fim de um Ciclo, como hoje,

Há grupos de indivíduos, povos que, no curso desses períodos de falsificação, foram capazes, por sua Elevação Vibratória comum, de desencadear uma Consciência Unificada e, portanto, de sair da matriz. 
 
Mas é bastante raro.

Há fenômenos que são chamados de fim da vida, a cada 26.000 anos ou a cada 50.000 anos. Mas não é por isso que a matriz não volta a fechar-se imediatamente.

A civilização Maya apareceu após os Viracocha terem dado a eles certo número de informações, que lhes permitiu criar uma Consciência Unificada, simplesmente. A única diferença é que essas Consciências Unificadas não puderam sair, coletivamente, do confinamento presente no conjunto do Sistema Solar. 
 
O que aconteceu? Eles desceram ao Intraterra, na 3ª Dimensão Unificada, como os golfinhos de Sírius.

Questão: portanto, viveram-se, durante 320.000 anos, períodos sucessivos, de 50.000 anos de confinamento?

Perfeitamente, para aqueles que estão aí desde o início.
Vocês não estão, todos, aí desde o início.
Longe disso.

Questão: há pessoas, hoje, que poderiam ser ainda chamados pela Luz, ou, efetivamente, para nada serve falar disso ao redor de nós?
Falar disso?
Nada mudaria.

Contentem-se de Ser, e aquele que deve captar a Luz, ele a captará.
Não é pelas palavras que vocês farão mudar de opinião quem quer que seja. 
 
É apenas pela Vibração.
Mas isso foi dito, já, desde anos, pelo Arcanjo MIGUEL.

Não temos mais perguntas, agradecemos.

E eu lhes agradeço, caros amigos, por todas essas questões.
Eu quero transmitir-lhes todas as minhas bênçãos.

Até breve.
_______________________

Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com


AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS" ".
 

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

Related Posts with Thumbnails