((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

domingo, 5 de fevereiro de 2012

PODCAST: O FOGO NA PRESENÇA

PODCAST: O FOGO NA PRESENÇA

Photobucket



Download: http://www.4shared.com/mp3/aSE81r0m/podcast1.html

Postagem citada neste áudio: O FOGO DA LUZ VEM QUEIMAR A ILUSÃO, E VOCÊS ESTÃO NUM CORPO DE ILUSÃO - ANAEL - A. D. (COM PODCAST)

Beth:

Um sonho maravilhoso esta noite. Foi um pouco confuso no início, mas depois tudo foi se ajustando e eu vivi cada experiência.

Eu estava em um bar. Um local tranquilo, com uma música agradável. Havia muitas mesinhas pequenas, e em cada mesinha apenas uma pessoa sentada. Ninguém falava com ninguém. Parecia que todos estavam lá apenas para apreciar a música. De repente um homem de aparência muito tranquila fez um sinal me chamando, e eu fui até a mesa onde ele estava.

Mas logo que me aproximei, senti um calor insuportável. Era como se todo o meu corpo estivesse pegando fogo. Eu disse a ele para esperar porque eu ia até em casa mudar de roupa e voltaria logo. Ele continuou me olhando com a mesma tranquilidade, e eu saí do bar.

Peguei um ônibus que passava, e fui apreciando a paisagem. Estava de dia, fazia um sol maravilhoso e o ônibus percorria um trajeto na orla da praia. Me distraí por um tempinho olhando o mar, e quando me dei conta já estava na hora de descer. Quando desci do ônibus, segui caminhando calmamente, e então percebi que não sabia onde estava.

Parei no meio do calçadão e fiquei olhando para ambos os lados. Eu sabia que tinha morado em dois lugares diferentes, sabia que ficavam em direções opostas. Mas naquele momento não lembrava em qual deles ainda morava, e não sabia onde estavam minhas roupas. Pensei em voltar ao bar, que era mais perto. Mas lembrando do calor resolvi que deveria mesmo ir em casa antes para vestir algo mais fresco. E fiquei parada naquele calçadão sem saber pra que lado ir.

Se pegasse outro ônibus, com certeza chegaria a uma das casas onde havia morado, mas eu não tinha certeza se minhas coisas ainda estavam lá. Se pegasse um ônibus de volta, sabia que passando do bar chegaria à minha outra casa. Mas novamente fiquei sem saber se era lá que guardava minhas roupas.

Lembrei que disse para aquele homem que não demoraria, e sabia que tinha que tomar uma decisão. Nesta hora eu vi um casal que conversava. Eles se aproximaram, e a mulher perguntou o que eu estava fazendo parada ali, olhando para um lado e para o outro como se não soubesse onde ir.

Contei a eles o que estava havendo. Ela respondeu: “Você não entendeu ainda? Até pouco tempo você habitava duas casas, e havia um pouco de suas coisas em cada uma delas. Mas agora você não tem mais casa, não tem mais coisas para guardar. Você está apenas com esta roupa em seu corpo, e olhe para ela.”

Olhei, e vi que vestia uma roupa muito leve, muito fresquinha. Não tinha sentido eu querer mudar de roupa por causa do calor, porque eu já estava vestindo uma roupa levíssima.

Então ela continuou: “Aqui é o ponto final. Aqui é o local onde você deve decidir o que fazer. Vai tentar voltar para casa? Vai tentar encontrar suas coisas? Vai ficar aqui parada esperando que alguém te mostre o caminho? Ou vai atender ao chamado daquele homem? Você sabe o que ele tem a te dizer? Acredita que ele ficará sentado lá te esperando até quando?”

Na mesma hora decidi voltar ao bar. Quando cheguei, encontrei o mesmo cenário, com as mesmas pessoas. Aquele homem tranquilo estava na mesma mesa de antes. Eu me aproximei dele, e o calor tornou-se insuportável novamente. Perguntei o que ele queria me dizer, porque eu precisava sair logo dali. Eu não estava aguentando o calor.

Ele olhou pra mim de um jeito muito sério e disse que se eu não aguentava o calor, então não deveria colocar minha atenção na roupa, mas sim no coração. Ele disse: “Não troque de roupa, isto será inútil. Apenas converse com seu coração. Pergunte a ele o motivo deste calor.”

Fiz isso. Me sentei ao lado daquele homem, fechei os olhos e perguntei ao meu coração o que ele tinha a me dizer. O calor foi dimuindo aos poucos, e apesar de não ter tido nenhuma resposta, eu agora estava bem. Abri os olhos e vi que aquele homem não estava mais lá.

Olhei em todas as direções procurando por ele, mas não o via. Então ouvi o seguinte: “O meu coração no seu coração. A minha paz na sua paz. A minha Presença na sua Presença. Você aceitou retornar para me encontrar, e agora o fogo que eu sou queima em seu interior e não mais em seu exterior. A minha Presença é o fogo . O fogo incomoda e faz querer fugir. Mas você retornou e agora nada mais te incomodará. Deixe tudo para trás, como fez com suas casas e suas roupas. O meu coração está em seu coração. O meu coração é o seu coração. Você não precisa de mais nada.”

Acordei logo depois, com uma paz inexplicável.



Download: http://www.4shared.com/mp3/Lfon3AyD/podcast2.html

Ana:

Olás! Como a Beta Maia, tb após ouvir o módulo 2, resolvi parar, mas para, além de agradecer por mais um trabalho realizado no Amor Luz, compartilhar com vcs, uma experiência que tive e que tem a ver com essa mensagem/pod.

Passei quarenta dias fora e antes de viajar tive um sonho no qual eu me encontrava numa rua aqui na cidade onde moro, e, ao olhar para o céu, vinha do alto em minha direção uma grande avalanche de fogo que me perseguia.

No sonho, eu fugia porque não queria ser queimada. Assim que acordei,logo pensei: caramba, falta muito ainda pra queimar em mim porque se não fosse assim eu não fugiria de nada. Guardei essa peça e fui embora pra onde a Luz estava me levando. Foram quarenta dias que pareceram quarenta anos de tantas coisas intensas que eu vivi.

Situações de Unidade e de dualidade – o ioiô acelerou demais! rsrs Nesse tempo todo saliento que algumas postagens no MM fizeram muita diferença...eu ria de tanta sintonia com o que eu estava vivendo (com certeza somos muito nessa situação), mas friso em especial o filme italiano da História de Francisco de Assis, alguns podcasts e principalmente a mensagem do Cristo (a inédita), a última mensagem da Gemma e de Aivanhov (nessa incusive eu senti a necessidade de um pod, mas estava tão anestesiada que não servi nem pra mandar e-mail...mas qdo estamos em Comunhão tudo é mais simples... vcs tb sentiram e aí está o pod!!).

Mas vamos a experiência principal, que foi simples e muito breve: tive uma vivência uns dias antes da última mensagem da Gemma em que eu via a dissolução deste corpo de carne. O corpo estava deitado e aos poucos ia derretendo como se fosse uma vela quente. Isso não doía nem um pouco e ao mesmo tempo em que derretia, por dentro dele ia aparecendo um outro corpo muito glorioso, com um rosto diferente de tudo o que há neste mundo, forte e verdadeiro...de uma grandeza sem igual (um pouco parecido com um pássaro).

Quando voltei a mim, achei que tinha sonhado e demorou pra cair a ficha. Agora, ouvindo vcs todos, a vibração para compartilhar surgiu, até mesmo porque, como disseram, muitos não se deram conta deste renascimento, que para cada um acontece conforme sua vibração. (Rosa, também tive algumas vivências com muitas crianças chegando...é algo que vez por outra me aparece).

O interessante também, é que enquanto eu passava por tudo que vivi nesses dias, era como se eu fosse duas ao mesmo tempo, até quando eu chorava eu ria ao mesmo tempo, rsrsrs. Sei que era a personalidade alma se dissolvendo e lamentando e o corpo de existência se acoplando e trazendo a Verdadeira Alegria.

Os encontros das quintas tem sido de um impulso fenomenal para nós, sementes, que nos dispomos ao Abandono total (isso quem tem conseguido priorizar sabe muito bem). A impressão que tenho agora é que sou uma folha branca, novinha e muito leve. Me sinto anestesiada e desde que voltei pra casa, só sei que estou aqui porque me concentro na minha respiração para viver a Presença, nosso foco principal neste momento.

Não é àtoa, que no começo do ano, ao perguntar ao meu coração qual era minha missão no momento, ele me respondeu: voltar para casa (= Unidade).

Em alegria, rendo graças por estar aqui com todos vocês!
Beijos nos corações e feliz renascimento para todos!

Postagem citada neste áudio:
APRENDENDO A FAZER POR SI E A VOAR SOZINHO



Download: http://www.4shared.com/mp3/k7QICVTM/podcast3.html

Postagens citadas neste áudio:
PADRE PIO - THE MIRACLE MAN - FILME E PEQUENA COLETÂNEA AUTRES DIMENSIONS
APROPRIANDO-SE DA LUZ
VOLTAR A TORNAR-SE CRISTO - YVONNE AIMEE DE MALESTROIT – AUTRES DIMENSIONS
COLETÂNEA: O PONTO ZERO - AUTRES DIMENSIONS (COM PODCAST)
EU NÃO TENHO UM SONHO
COLETÂNEA: OS 4 PILARES DO CORAÇÃO - INFÂNCIA (4) - AUTRES DIMENSIONS
AS TRÊS BORBOLETAS


"Todos nós somos KI-RIS-TI".

Alternativa de download dos arquivos de áudio deste podcast:


Módulo 1

Módulo 2
Módulo 3
(Cortesia de André - M.A)

M.M - http://minhamestria.blogspot.com/
C.R.A - http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails